Prefeitura de Bilac será contemplada com mais de R$ 3 milhões em emendas


Prefeito Vitor Botini e seu vice, Loureiro, ressaltam que praticamente todos os setores serão beneficiados com estes recursos e que a maior conquista neste ano foi a reabertura do Hospital Beneficente Padre Bernardo

31/12/2017 19:56 - Atualizado em 27/03/2018 16:28 | Por: Otávio Manhani

Otávio Manhani/Jornal Comunicativo

Logotipo comunicativo original original original

Neste primeiro ano de seu mandato, o prefeito Vitor Osmar Botini (PSDB), faz um balanço sobre como foi administrar Bilac ao lado de seu vice-prefeito, Antonio Ferreira Loureiro (PSDB).

Logo na primeira semana após assumir a Prefeitura, o prefeito realizou uma operação tapa-buracos na estrada vicinal Vereador Pompílio Martinelli (SP-461), entre os municípios de Bilac e Gabriel Monteiro. A operação tapa-buracos contou com a parceria das Prefeituras de Gabriel Monteiro e Piacatu, além de uma usina sucroalcooleira de Clementina.

Botini disse ter assumido a Prefeitura em janeiro deste ano com uma dívida de quase R$ 5 milhões, incluindo fornecedores, Iprem (Instituto de Previdência Municipal) e a folha de pagamento do mês de dezembro de 2016, que ficou para ele pagar.

Já na questão habitacional, Botini disse que a construção e entrega de 51 casas populares foi uma de suas prioridades deste ano.

HOSPITAL DE BILAC

Um dos maiores problemas enfrentados pela gestão Vitor e Loureiro foi o fechamento do Hospital Beneficente Padre Bernardo, que é administrado por uma OSS (Organização Social de Saúde).

O principal motivo do fechamento do hospital foi devido a administração anterior ter deixado de repassar recursos financeiros durante 18 meses (julho de 2015 a dezembro de 2016), totalizando quase R$ 1 milhão.

Depois de quase dois meses em negociação entre a OSS e as Prefeituras de Bilac, Gabriel Monteiro, Piacatu e Santópolis do Aguapeí, o hospital foi reaberto.

CONTAS EM DIA

De acordo com o prefeito, uma das grandes vitórias da gestão Vitor e Loureiro foi manter o pagamento dos funcionários em dia, pagando sempre no último dia útil do mês.

“Também pagamos nossos fornecedores em dia, assim como parcelamos e estamos quitando os fornecedores referente a gestão anterior. E regularizamos a situação do Iprem”, acrescentou Botini.

O prefeito frisou ainda que uma parceria entre Prefeitura e o Clube de Rodeio resultou em uma Festa do Peão com portões abertos neste ano.

R$ 3 MILHÕES

Nesses doze meses frente à Prefeitura de Bilac, o prefeito diz ter conseguido para o município mais de R$ 3 milhões em emendas, sendo a maior quantia (R$ 850 mil) destinada pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) para execução de melhorias em estradas rurais pelo Programa Melhor Caminho.

De acordo com o prefeito, o setor da Saúde foi contemplado com R$ 625 mil. Para investir em infraestrutura, Botini cita ter adquirido R$ 550 mil, enquanto que o setor de Assistência Social recebeu R$ 384 mil.

“Também fomos contemplados com um valor de R$ 620 mil do Fehidro (Fundo Estadual de Recursos Hídricos). Este é o resultado de um ano de trabalho. E olha que o país está em crise, hein!”, frisa o prefeito.

EVENTOS

O prefeito menciona que durante este ano foram realizados vários eventos culturais e esportivos no município. O Centro Cultural Educacional Prof. João Chaim Rezeke Filho também foi palco de diversas apresentações neste ano.

Para o Réveillon deste ano, o governo municipal de Bilac levará para a praça central as bandas Tim-Balada e Zero 3.

AGRADECIMENTOS

A dupla Vitor Loureiro aproveita para agradecer a Câmara de Vereadores pelo apoio durante este ano, assim como o ex-prefeito José Roberto Rebelato, o Beto (PSDB), que é padrinho político da dupla.

“O Beto nos ajudou e tem nos ajudado a abrir portas junto ao governo estadual e federal. Grande parte dos recursos que conquistamos para Bilac foi com o apoio político dele”, frisou o prefeito Vitor Botini.