Desempregado é preso por tráfico de drogas em Piacatu


Acusado negou que estivesse comercializando drogas, apesar de ter antecedentes pelo crime

22/09/2017 21:55 - Atualizado em 28/09/2017 10:34 | Por: Otávio Manhani

Otávio Manhani/Jornal Comunicativo

Logotipo comunicativo original original original

Um desempregado de 21 anos, morador do bairro Colinas Park, em Piacatu, foi preso por tráfico de drogas na tarde de hoje (22) por policias do GOE (Grupo de Operações Especiais), da Polícia Civil de Araçatuba. Ele negou que estivesse comercializando entorpecentes, apesar de ter antecedentes pelo crime.

A prisão do jovem ocorreu após uma denúncia feita ontem (21), a qual informou que o desempregado estaria comercializando drogas em frente à casa dele. Segundo a denúncia, parte da droga era escondida em um terreno próximo a duas carretas.

Policiais foram até o local denunciado em um veículo descaracterizado, ocasião em que viram quando o desempregado saiu de casa, pegou algo que estava em uma mochila - que estava entre as duas carretas estacionadas - e entregou a outra pessoa, a qual não foi identificada, e que o aguardava no terreno informado na denúncia.

A pessoa saiu do local com o objeto enquanto que o acusado retornou para sua casa. Como na frente da residência dele havia várias pessoas, os policiais solicitaram apoio de outra equipe. Quando o reforço chegou, perguntaram a um desses rapazes sobre o desempregado, mas foram informados que ele havia saído.

Durante buscas entre as duas carretas, os policiais encontraram uma sacola contendo dez porções de maconha, cinco de cocaína e R$ 20 em dinheiro. Também foi encontrada outra sacola com 41 porções de maconha, que estava enterrada em um terreno.

Quando deixavam o local com a viatura descaracterizada para ir à delegacia, os policiais viram o acusado caminhando em direção à casa dele, ocasião em que ele foi abordado. Ao adentrarem na casa do desempregado, os policiais encontraram sobre um armário na cozinha uma sacola plástica e um saco preto recortados.

O jovem disse estar desempregado, que é usuário de maconha e que esteve entre as duas carretas para conseguir sinal de internet no celular, apesar de estar sem aparelho quando foi detido. Ele foi levado à delegacia, onde foi preso em flagrante e encaminhado à cadeia de Penápolis, onde ficará à disposição da Justiça.